Todos os posts com tag

rigatoni com camarão e vinho branco

ah, l’amour! andar de mãos dadas, dormir agarradinho e dividir as refeições e o vinho com a pessoa amada <3 pra comemorar esse dia dos namorados, vamos de rigatoni com camarão e vinho branco! bom, a gente já sabe que dia dos namorados fica tudo cheio, e eu acredito que você não quer passar sua noite em pé na fila e depois dividindo o recinto com mais 587 casais, certo? eu sou super a favor de ficar em casa não só no dia dos namorados, mas em datas comemorativas em geral. dia das mães, pais, páscoa, e lá se vão longas filas e horas desperdiçadas na rua. enquanto isso a gente pode ficar em casa cozinhando juntos, tomando um vinho e desfrutando de refeições inesquecíveis. pra esse ano eu escolhi essa receita de rigatoni com camarão e vinho branco. você pode trocar a massa, mas sugiro uma massa curta com ondulações, para melhor absorção do molho. e se você estiver se sentindo muito chique, pode trocar o vinho branco por espumante \o/ essa receita é …

lasanha vegetariana com abobrinha grelhada

eu curto muito esses preparos sem fim que alguns pratos pedem. um pernil marinado por 12 horas, um pato assado por 4, uma lasanha que demora 3 horas para ganhar a mesa. a química, a transformação dos ingredientes, o resultado de horas e horas de calor. cada elemento tem sua função e você sabe que estão todos ali, unidos, trabalhando juntos e proporcionando dancinhas de alegria a cada garfada. e pra mim tá pra ser criada ainda uma coisa mais maravilhosa do que lasanha. e juro, vale cada minuto do preparo. e é uma prática bem interessante pensar: vou me dedicar plenamente a fazer esse prato durante x horas. toda sua atenção ali, a relação com os ingredientes, a observação da cocção, você e a panela. porque sim, cozinhar também pode ser uma forma de meditar. já pensou nisso? se a gente corre tanto durante a semana, mal sabe o que come, não tem tempo pra nada, a cozinha do final de semana pode ser um momento de tranquilidade e conexão com o tempo. eu nunca …

truta poche com molho de iogurte

quando eu me mudei pro meu apartamento novo, eu achei que fosse demorar uma vida pra conseguir deixar ele arrumado. mas aos poucos tudo vai tomando forma, ficando com jeitinho de casa, com a minha cara. a última das tarefas é pendurar quadros, uma tarefa chata demais que demora horas e é praticamente impossível de ser realizada sozinha. mas quem tem amigos tem tudo, certo? então eu troquei um almoço por uma ajuda de uma amiga (que depois viraram duas amigas, e a segunda ainda trouxe torta de limão!) pra fazer uma parede linda de quadrinhos. sim, às vezes trabalhamos com suborno em forma de refeição ;) aqui em são paulo os peixes são diferentes do que eu estava acostumada a comprar no rio. na verdade eu ainda sou descobrindo se são os mesmos peixes mas com nomes diferentes. mas um peixe que eu já vi algumas vezes por aqui é truta, coisa que no rio não é tão comum. e sempre que eu falo de truta lembro daquela truta defumada clássica das viagens à …

arroz vermelho com lula e cogumelos e molho verde

essa é uma daquelas receitas com um nome enorme e pomposo mas que na verdade não tem nenhum mistério. na verdade, eu nunca tinha feito isso antes, e toda vez que eu acerto uma receita de primeira dá uma vontade de fazer uma dancinha na cozinha. deu super certo, e eu fiquei com muita vontade de fazer de novo, espalhar a receita nova. a única coisa que usei de “diferente” foi o cogumelo chanterelle que eu havia comprado numa viagem. entrei nesse modo de aproveitar tudo e que especial é o dia de hoje, então tenho tentado praticar meu desapego. é que nem uma história que eu ouvi uma vez que a gente tem que gastar dinheiro pra movimentar a economia e voltar mais dinheiro ainda pra gente ahahhaha sensacional esse pensamento! e afinal, pra entrar produto novo na despensa a gente tem que fazer espaço, certo? nesse dia eu acordei meio inspirada, mas ao mesmo tempo cansada para sair pra comprar coisas e ficar horas na cozinha. eu tenho uma lista enorme de receitas pra fazer …

massa com camarões, aspargos e vinho branco

eu fiz essa massa pro meu pai, de presente de dia dos pais. sim, eu realmente dou comida de presente pras pessoas :) meu pai disse que ele queria uma massa especial. oh, lord! essa era a única dica que eu tinha. ele ama massa, e eu sei como é difícil fazer um prato de massa realmente memorável e com sabor único. a primeira opção foi um ragu, mas não faz nem dois meses que eu fiz um ragu pra ele. ele tinha acabado de voltar da itália e resolvemos fazer um almoço para colocarmos a conversa em dia. o prato que ele escolheu para o nosso almoço foi um ragu e já foi logo dizendo que na itália comeu ragu várias vezes e estava encantado com a receita. ou seja, alta expectativa com o ragu da francinha! eu já amo um ragu, aproveitei pra caprichar e fazer um lindão. ele amou, disse que era examente igual ao que ele tinha comida na itália. <3 então eu tinha superar que o ragu. queimei a mufufa e …

ragú de fraldinha

Pois bem, há uns dias fizemos um churrasquinho e sobrou um pouco de carne. Resolvi fazer um ragú (ou ensopado) de fraldinha. O bom que é que não precisa de nenhum ingrediente elaborado, mas tem que ter uma certa paciência porque demooooora (se você não tiver paciência, use a panela de pressão). Uma coisa diferente que eu tentei foi, junto com a carne, colocar coração de frango (sem as gordurinhas) batido no processador. Conforme ele vai cozinhando ele ajuda a dar uma consistência boa para o ensopado. Vamos lá: Ingredientes: 500g de carne 100g de coração de frango batidos no processador 1 taça de vinho tinto (não me usem vinho ruim senão vai estragar a comida!) 1 cebola grande 2 tomates 3 colheres de sopa de alho moído 1 lata de molho de tomate 1 alho-poró inteiro 1 cenoura sal, pimenta e azeite tomilho fresco Como faz: refogue o alho e a cebola com sal e pimenta moída na hora. Depois adicione a cenoura e o alho-poró, mantendo em fogo médio. Quanto tudo já estiver …