Todos os posts com tag

relish de tomate

dia desses eu fui em um evento onde tinha relish de tomate. eu comi, e repeti, e comi mais um pouquinho até ficar com vergonha de comer mais. o garçom foi tirar o resto e eu não deixei, peguei o pouquinho que tinha sobrado. meu deus, como era bom aquilo. como eu passei tanto tempo sem comer isso? consultando a minha memória de peixe eu não recordo de ter visto isso muitas vezes, apenas em vidrinhos no mercado. e eu vou sempre preferir fazer em casa do que comprar um vidrinho no mercado. pelo menos sempre que der. pesquisei e fui rumo à feira comprar os tomates mais bonitos que eu achasse. nessas últimas semanas estão todos lindos, praticamente posando pra foto no meio da feira. não tem como resistir. sopa de tomate, molho de tomate, gazpacho, outro molho com tomate, e agora, relish de tomate. eu acho engraçado ver que os blogs de países no hemisfério norte estão enlouquecidos com a época de tomate, zilhões de receitas e fotos com todas as variedades, todo mundo …

massa com camarões, aspargos e vinho branco

eu fiz essa massa pro meu pai, de presente de dia dos pais. sim, eu realmente dou comida de presente pras pessoas :) meu pai disse que ele queria uma massa especial. oh, lord! essa era a única dica que eu tinha. ele ama massa, e eu sei como é difícil fazer um prato de massa realmente memorável e com sabor único. a primeira opção foi um ragu, mas não faz nem dois meses que eu fiz um ragu pra ele. ele tinha acabado de voltar da itália e resolvemos fazer um almoço para colocarmos a conversa em dia. o prato que ele escolheu para o nosso almoço foi um ragu e já foi logo dizendo que na itália comeu ragu várias vezes e estava encantado com a receita. ou seja, alta expectativa com o ragu da francinha! eu já amo um ragu, aproveitei pra caprichar e fazer um lindão. ele amou, disse que era examente igual ao que ele tinha comida na itália. <3 então eu tinha superar que o ragu. queimei a mufufa e …

massa com frutos do mar

há mais de um ano atrás, antes deste lindo blog existir, eu fiz uma viagem pra itália. sabe, eu sempre quis conhecer a itália. me imaginava estilo noviça rebelde pelos campos da toscana com uma taça de vinho da mão, tomando gelato e comendo pasta até no café da manhã. foi quase isso, tirando o fato de que estava muito frio e eu não corri cantando pelos campos da toscana. mas foi uma viagem in-crí-vel e certamente inesquecível. foram 23 gelatos (sim, eu contei) e muitos pratos de massa. e acho que você deveria saber que eu curto uma feira, de qualquer coisa. seja de cacareco, de comida, de livro, de flor, de móvel. e foram tantas feirinhas que me dá até um suspiro de saudade. muitas barraquinhas vendiam massas, de todas as formas e cores. pois bem, comprei dois pacotes de massa. e desde então, estava à espera de uma ocasião especial pra preparar a tal massa. pensando hoje eu vejo que isso é um pouco idiota, porque não me faltaram dias felizes, e …

polvo com tomates

outro dia eu mencionei aqui uma viagem que eu fiz há 10 anos atrás pra espanha e como eu lembro de quase tudo que eu comi. a refeição que eu mais lembro foi em um restaurante numa pequena cidade de praia, com mesas comunitárias e onde o próprio dono nos atendeu. chegamos e pedimos pelo cardápio. ele respondeu que não havia cardápio, que o que eles tinham era o que tinha vindo do mar naquele dia. a partir daí, virou um banquete… panelinhas e frigideiras com peixes, frutos do mar, cozidos, fritos, assados, puros, espetaculares. era isso, comida na forma que eu mais amo. uma mesa grande, com comida fresca, simples e encantadora. esse dia foi marcante, e acho que daí se consolidou minha adoração por frutos do mar. eu lembro disso muitas muitas vezes, especialmente quando vou à feira comprar peixe e fico pasma com a variedade, formas, cores, tantas mil opções de preparo. mas o ponto que eu quero chegar é o seguinte: sabe aquela história de que polvo é muito difícil de fazer? …

gazpacho

todo mundo faz cara feia pra alguma comida. eu faço cara feia para várias, coisas que você provavelmente nunca vai me ver cozinhando. mas, de tempos em tempos, eu vou lá e dou uma provada em uma ou outra, pra ter certeza (ou não) de que eu não gosto daquilo. porque você sabe, pega mal a pessoa que cozinha falar que não gosta e não come e não quer provar e sai pra lá. eu tinha um problema com tomate. até alguns anos atrás eu não comia tomate cru. e tomate seco, nem pensar. hoje uma das minhas comidas favoritas é sopa de tomate. vai entender. mas o meu affair com o tomate seco durou 2 meses… porque ontem eu descobri que o danado é ultra mega hiper calórico. papo de 400calorias em uns 4 pedacinhos. juro, pode pesquisar. pois bem, chega de conversa. esse post é pra celebrar o tomate, todos os seus benefícios, a sopa de tomate quente (em breve por aqui) e a fria, o gazpacho. aprendi a fazer essa com os meninos do …

panzanella

olha, eu não sou muito de competições. não curto. tenho preguiça. deixo os outros ganharem. deve ser porque quando eu era pequena eu era ruim de competir e fiquei traumatizada. na verdade a única pessoa que eu gosto de competir é comigo mesma, uma coisa meio maníaca. então resolvi participar do desafio do mês do panelinha porque eu queria tirar uma foto bonita e, acima de tudo, provar a receita (lógico!). já adianto que deu super certo, que delícia! uma saladinha bem veranesca mesmo! eu fui pesquisar um pouco e achei muuuitas variações. com alcaparra, sem pepino, com queijo, com pimentão, com anchova, enfim… você pode ir adaptando e fazer a sua versão favorita. a receita do desafio está aqui, mas vou copiar aqui embaixo também. ingredientes: 2 tomates bem maduros, sem pele 4 a 6 fatias de pão amanhecido 1 cebola-roxa 1 pepino um punhado de manjericão 2 colheres (sopa) / 30 ml de vinagre de vinho branco 6 colheres (sopa) / 90 ml de azeite extra-virgem sal e pimenta-do-reino a gosto preparo: 1. Se a …

lasanha de abobrinha

eu sei que agora tá rolando um alvoroço do tal macarrão de abobrinha. que aliás quando eu ouvi isso da primeira vez achei que a massa fosse feita de abobrinha e achei o máximo. mas não é isso. eu ainda não testei a abobrinha fatiada em forma de massa e cozida, mas eu gosto muito dessa receita com a abobrinha fatiada substituindo a massa da lasanha. eu sei, isso pode parecer estranho. mas eu tô pra ver um legume tão versátil quanto a abobrinha (a abóbora, talvez, mas nesse blog não trabalhamos com abóbora). depois de cozida, ela fica macia como uma massa comum, e vamos combinar que o gosto da lasanha está no recheio e não na massa, certo?? então abre essa cabeça, não faz cara feia e testa. dá uma chance. pensa que você vai comer uma lasanha delícia economizando bastante calorias.  ingredientes:  uma abobrinha grande (de preferência grande e gorda) 100g de de champignon uma lata de tomate pelado 4 tomates 500g de carne moída uma cebola média 5 dentes de alho …

bolinho de carne assada

roubei umas fatias de carne assada da panela e fiz esses bolinhos. bolinho é comida conforto, né? só de ouvir eu já penso naquela bolotinha singela, mas que faz feliz toda vida. então aí vai a receita do bolinho pra você testar: ingredientes: umas 9 fatias de carne assada 2 fatias de pão de forma sem a casca (qualquer pão) 1 ovo grande ou 2 pequenos meia cebola roxa picada bem pequenininho (ou triturada) 1 colher de chá de noz-moscada 5 dentes de alho raspa de um limão como faz: pique/desfie bem as fatias de carne assada, e depois esfarele as fatias de pão. o ideal é que a proporção seja uns 2/3 de carne para 1/3 do resto dos ingredientes. em uma tigela, coloque todos os ingredientes e misture muito bem, de preferência com as mãos, amassando bastante e formando uma massa uniforme. depois faça pequenos bolinhos, mais ou menos do tamanho de pequenos hamburgers, mas altinhos. aqueça a frigideira com um fio de azeite e frite os bolinhos, aproximadamente 3 minutos de cada …

bruschettas

receita moleza de bruschettas para servir de entrada. para essas eu usei shitake desidratado e tomate italiano. normalmente no supermercado esses cogumelos desidratados são caros e vem bem pouquinho, então para valer a pena você pode comprar em lojas de produtos orientais. no cadeg, por exemplo, um pacotão de funghi desidratado sai por R$14. ingredientes: – pão italiano -para a bruschetta de tomate: 5 tomates italianos azeite de oliva 4 dentes de alho picado 1 punhado de manjericão fresco sal e pimenta moída na hora -para a bruschetta de funghi: 200g de funghi desidratado 2 colheres de sopa de creme de leite 2 colheres de sopa de manteiga 1 taça de vinho tinto 1 punhado de salsa pimenta moída na hora como faz: antes de tudo, coloque o funghi para hidratar (é só colocar numa tigela com água e deixar por uns 30min). pré-aqueça o forno na temperatura média. corte seu pão italiano, caso não venha cortado, em fatias de aproximadamente 1,5cm. espalhe as fatias em uma travessa que vá ao forno, regue com um pouco …

atum no forno com camarão

queria fazer uma receita nova com peixe. pra mim, qualquer coisa do mar é sempre a primeira opção. folheei todos os meus livros de receita e nada. então fui pra feira, e no caminho fui escolhendo meus ingredientes pro prato novo. bem facinho, delicioso, servido com salada verde. e foi super aprovado por quem comeu! ingredientes:  para o peixe: 1 filé de atum fresco (em torno de 700g serve bem 3 pessoas) 6 camarão médios (2 camarões por pessoa) 4 tomates italianos alecrim 1 cabeça de alho sal, pimenta moída na hora e azeite de oliva 1 punhado de manjericão 1 punhado de tomilho fresco 1 ou dois limões para a salada: alface, agrião, hortelã e palmito como faz: em uma travessa que vá ao forno, coloque os tomates cortados em 4, os camarões lavados e inteiros, e algumas cabeças de alho fatiadas. o ideal é, enquanto você prepara essa parte, que o atum fique guardado, porque se ele fica do lado de fora rapidamente começa a ficar com uma cor estranha. Depois deste ingredientes, lave bem …